sábado, 2 de junho de 2007

CECÍLIA MEIRELES

NUVEM
(Cecília Meireles)



- Irmãzinha, vamos subir a montanha?
- Para quê?
- Eu queria aquele pedacinho de nuvem cor-de-rosa, que está lá em cima...
- Aquele pedacinho de nuvem?
- É... queria enfeitar-me com ele...
- Mas a montanha é muito alta!
- Nós caminharemos... caminharemos...
- E se, chegando lá em cima, virmos a nuvem mais longe?
- Tu me levantarás nos braços, irmãzinha!
- E se a nuvem se desfizer de repente?
- Oh! Irmãzinha... irmãzinha... Se a nuvem se desfizer...
- Se ela se desfizer?
- Eu chorarei muito, e ficarei esperando outra nuvem, irmãzinha!


MEIRELES, Cecília Criança Meu Amor... Ilustrações de Marie Louise Nery. Rio de Janeiro: Editora Nova Fronteira, 1986.

3 comentários:

Sei que existes disse...

Os sonhos, a esperença, o acreditar das crianças, é algo maravilhoso!
É uma pena que com o passar dos anos, deixemos ficar para trás a criança que todos nós temos no nosso interior...
Beijos

eu... disse...

lindo texto
um beijão

.Profusion disse...

Que lindinho... a vida pelos olhos de uma criança...e fantástico...