sábado, 23 de maio de 2009

SCHELLING



Schelling
Em
Exposição da idéia universal da filosofia em geral e da filosofia-da-natureza como parte integrante da primeira.






“O primeiro passo para a filosofia e a condição sem a qual nem sequer é possível entrar nela – é a compreensão de que o absolutamente ideal é também o absolutamente real, e de que, fora disso, só há, em geral, realidade sensível e condicionada, mas nenhuma realidade absoluta e incondicionada.

Aquele para o qual o absolutamente ideal ainda não se revelou como o absolutamente real pode ser levado de diversas maneiras até esse ponto da compreensão, mas ela mesma só pode ser provada indiretamente, não diretamente, pois é, pelo contrário, o fundamento e princípio de toda demonstração”.







SCHELLING, Friedrich Wilheim Joseph von. Obras escolhidas. Seleção, tradução e notas de Rubens Rodrigues Torres Filho. São Paulo: Abril Cultural, 1979. (Os pensadores)

Sobre Schelling clique no linque abaixo:
http://pt.wikipedia.org/wiki/Friedrich_Wilhelm_Joseph_von_Schelling

Um comentário:

Eduardo P.L disse...

Estava saudoso do seu Reflexões e postagens que fazem juz ao nome!

Forte abraço