quarta-feira, 16 de setembro de 2009

VOLTAIRE (7)

Voltaire
Em
Deus e os Homens.





“Nenhuma sociedade pode subsistir sem justiça; anunciemos, pois, um Deus justo”.



“Se a lei do Estado pune os crimes conhecidos, anunciemos, pois, um Deus que punirá os crimes desconhecidos”.



“Quem ousar dizer “Deus me falou” é criminoso para com Deus e os homens, pois Deus, o pai comum de todos, acaso ter-se-ia comunicado com um só?”.



“É o cúmulo do horror e do ridículo anunciar Deus como um pequeno déspota insensato e bárbaro, que dita secretamente uma lei incompreensível para alguns de seus favoritos e que degola os restos da nação por ter ignorado essa lei”.



“Querem que nossa nação seja poderosa e pacífica?

Que a lei do Estado comande a religião”.








VOLTAIRE. Deus e os Homens. Tradução de Eduardo Brandão. 2ª. Ed. São Paulo: Martins Fontes, 2000.

Sobre Voltaire clique no linque abaixo:

http://pt.wikipedia.org/wiki/Voltaire

2 comentários:

Dri Viaro disse...

Oi passei pra conhecer seu blog, e desejar boa tarde.
bjss

aguardo sua visita :)

EXAGERADO disse...

Olá
Estou passando para conhecer seu blog,pois tb estou inscrito na Gincana e quero escolher com justiça.
Parabéns,seu blogue é DEZ!Gostei muito da postagem sobre Voltaire.
Só vou responder à Gincana após ler todos os inscritos,portanto até o fim do prazo.
Sucesso sempre